sexta-feira, setembro 21, 2012

Se você pensa em desistir

   ... jamais chegaria aonde cheguei se só andasse em linha reta. Tive que voltar atrás, andar em círculos, perder dias, perder o rumo, perder a paciência e me exaurir em tentativas aparentemente inúteis pra encontrar um quase endereço, uma provável ponte: a entrada do encontro. Acertei o caminho não porque segui as setas, mas porque desrespeitei todas as placas de aviso.

Marla de Queiroz

2 comentários:

  1. Oi, Lorena, bom dia!!
    É um texto curioso de desconstrução. Seria plenamente imaginável que, por ser a menor distância entre dois pontos, a reta fosse o melhor caminho para se chegar onde ser quer. A vida nem sempre nos permite tal facilidade. As circunstâncias ou nossa própria fraqueza pode nos desencaminhar. E é preciso muita estrada de contornos e retornos para nos redirecionar. Contudo, há essa curiosa frase texto da Martha, de haver acertado não por seguir as setas, mas por desobedecê-las todas e, mais que isso, desrespeitá-las todas... Quem as terá colocado, se ao caminho certo não levavam?! Não o idealizador da estrada, espero, pois aí seria tão difícil de crer-se, tamanho o contrassenso. Talvez, um adversário que queira que as pessoas se desencaminhem, ainda que estejam no caminho certo...
    Um beijo carinhoso
    Doces sonhos
    Lello

    ResponderExcluir
  2. Oi Lello!!! Mas o que ao certo será esse caminho certo que tanto buscamos?
    Acredito cada vez mais que a vida é äquilo que acontece enquanto fazemos outros planos...

    Boa noite!

    ResponderExcluir

Fico muito feliz de você estar aqui, quando você comenta me deixa ainda mais....

Deixa acontecer

As coisas acontecem quando você menos espera, as coisas acontecem quando você não as força, as coisas acontecem quando você não está an...